sex. dez 14th, 2018

Mãe pede ajuda para encontrar filha de 14 anos que desapareceu

Desesperada com o desaparecimento da filha de 14 anos, Lenir  Leiva de Araújo, 50 anos, pede ajuda da população campo-grandense para descobrir o paradeiro de Debora Leiva Araújo. A mãe explica que a adolescente afirmou que se deslocava até a casa de um amigo para fazer trabalhos escolares ontem (22), mas não retornou.

“A última vez que consegui contato com a minha filha foi ás 10h30, depois o celular dela só dava desligado. Ela me disse que tinha levado roupa, que estava terminando um trabalho, mas tinha outros. Como levou roupa, de lá ia se arrumar e ia para a escola, mas não foi para a escola. Moramos no bairro Zé Pereira, alguns amigos dela falaram que ela tinha dito que ia embora, que tinha coragem de ir embora e eu notei que ela levou muitas coisas, como secador de cabelo, roupas, calçados, mochilas, shampoo”, explica a mãe.

Lenir destaca ainda que a filha mantinha um relacionamento amoroso à distância com uma menina, identificada como Anny Albuquerque, que reside em Manaus. “Essa menina veio duas vezes para a Capital, já foi na nossa casa. Ela é contadora e tem uma filha. Sempre deixamos isso de lado porque a menina é de fora e tínhamos certeza que quando a Debora começasse a trabalhar, ela deixaria esse relacionamento de lado. Mas eu acho que ela acabou indo embora com essa menina, estamos preocupados, não conseguimos contato nem com ela e nem com essa menina”.

De acordo com a mãe, um boletim de ocorrência sobre o desaparecimento foi registrado. “A polícia já tem conhecimento do desaparecimento, agora estamos procurando. Eu já fui no aeroporto, na rodoviária, mas ainda não consegui resposta. Hoje vou voltar nos dois lugares para ver se ela chegou a embarcar. Eu tento sempre conversar com a minha filha, ela tinha dito que não ia embora porque ela tinha uma vida aqui. Mas alguns amigos dela me disseram que ela estava falando muito nisso nos últimos dias. Eu acho que ela saiu de casa de Uber, porque levou muitas coisas”.

Quem souber o paradeiro de Debora pode entrar em contato através do telefone 67 99244-2551.

Fonte: TopMidiaNews

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *