sex. dez 14th, 2018

Rapaz que matou namorada e filha disse ter recebido autorização “de cima” para cometer crime

Após ter confessado o assassinato da namorada Maiana Barbosa de Oliveira, 20, e a filha Dandara, de um mês, o jovem Marcos Fioravanti Neto, 22, relatou ao advogado José Teixeira que teria recebido autorização “de cima” para cometer o crime que chocou Dourados nesta semana.

As vítimas foram mortas na madrugada de segunda-feira (26) em uma residência localizada na Rua Humaitá, na região do Jardim São Pedro. Segundo o advogado que acompanha o caso, as conversas com o acusado pelo crime são completamente desconexas e não fazem sentido nenhum para justificar o caso.

“A gente conversou, mas infelizmente ele balbucia algumas coisas que não fazer tanto sentido. Nenhuma criança ou menina de 20 anos merece ter a vida retirada. Então todas as justificativas que ele deu não fazem muito nexo. Ele disse que recebeu autorização para fazer isso de cima”, disse o advogado.

José Teixeira disse estar acompanhando o caso, ainda analisando se prosseguirá com a defesa do processo. Em entrevista ao Dourados News ele destacou que desde os 13 anos, Marcos Fioravanti Neto enfrentava problemas com drogas e esquizofrenia.

“Ele já foi internado na Fazendo da Esperança duas vezes, já esteve também na ala psiquiátrica do Hospital San Juan. Em Dourados a família tentou interná-lo no HU mas não foi possível pois só contamos com quatro leitos”, explicou.

O advogado ressaltou que, a expectativa é conseguir transferir o rapaz para uma clínica psiquiátrica, ao invés de deixá-lo em presídio. Ele deve ser encaminhado à PED (Penitenciária Estadual de Dourados), mas de lá serão feitas tentativas de internação.

De acordo com a defesa, o grau de sanidade do rapaz vinha apresentando melhora, fazendo até mesmo com que a família potencializasse o tratamento em casa. Porém, não deixou de destacar que há laudos que atestam o prejuízo psiquiátrico do autor.

“A gente entende que um doente psiquiátrico não pode ficar detido junto a outros presos pela integridade física dele e também da dos demais. Por mais que duas vidas tenham sido retiradas, temos que tentar, enquanto sociedade, evitar que outras sejam ceifadas”, concluiu.

Marcos Fioravanti Neto continua detido na Delegacia de Polícia em Glória de Dourados. Lá ele foi autuado por roubo, já que antes de ser preso em flagrante tentou assaltar uma idosa. O rapaz está isolado em uma cela ao lado de outra contendo seis presos.

Fonte: DouradosNews

Notícias Relacionadas :::

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *