FATONEWS

Bolsonaro já decidiu que militares ‘estarão dentro’ de reforma, diz secretário

O secretário especial da Previdência, Rogério Marinho, afirmou nesta 6ª feira (8.fev.2019) que o presidente Jair Bolsonaro “já tomou a decisão de que os militares estarão dentro”da reforma da Previdência.

Marinho falou a jornalistas depois de reunião com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, na manhã desta 6ª.

O secretário afirmou ter apresentado as diretrizes gerais do texto da reforma e discutido, especificamente, as condições das aposentadorias especiais dos policiais sobre as quais Moro fez observações.

“O ministro interagiu conosco, fez algumas considerações a respeito do texto que certamente nós vamos levar em consideração”, afirmou Marinho.

Ao ser questionado se as mudanças para militares estarão no texto da PEC (Proposta de Emenda Constitucional) ou em outro projeto de lei, o secretário declarou que quem vai definir o timing e a forma como a questão será encaminhada será Bolsonaro.

O secretário não quis comentar se o encaminhamento do pacote de Moro ao Congresso simultaneamente à reforma da Previdência atrapalhará a tramitação dos 2 textos: “O ministro sabe e tem essa responsabilidade de afinar o discurso dentro da equipe ministerial”.

Ele afirmou ainda que a Casa Civil “saberá tomar a atitude mais adequada” sobre o encaminhamento dos projetos no Congresso Nacional. A respeito da data em que a reforma será encaminhada ao Congresso, o secretário citou os dias 19 e 20 de fevereiro “ou até o final de mês”.

Marinho disse ainda que também conversou com Moro a respeito da medida provisória de combate a fraudes no INSS, mas não detalhou os pontos discutidos.

Fonte: MSN

Sobre o editor

Maryone Azevedo
Maryone Azevedo
Trabalhando para trazer a verdade ao público!

A verdadeira informação é a salvação de uma nação livre de injustiças!
Últimas Notícias
Leia também:  Em áudio. Temer admitiu ter controle sobre o juiz Sérgio Moro