quarta-feira, junho 20

Cultura

Ator rodou o mundo, foi galã da Globo e continua a respirar arte em Campo Grande

Ator rodou o mundo, foi galã da Globo e continua a respirar arte em Campo Grande

Cultura
Nas mil e uma voltas que o ator e circense Breno Moroni, 64 anos, deu de palco em palco, de país em país, sua ‘turnê da vida’ atual está em cartaz em Campo Grande. Na Capital de Mato Grosso do Sul, ele fez sua casa há alguns anos, onde tem família e fez amigos, além da arte que parece sempre ter sido seu combustível. Muito além do famoso ‘Mascarado’ que o fez famoso na década de 90, na novela ‘A Viagem’, da Rede Globo, Moroni fez dezenas de filmes e incontáveis peças de teatro, além de aberturas de novela que o tornaram galã pelo Rio de Janeiro. Em entrevista ao TopMídiaNews, ele conta parte de sua trajetória até aqui. Leia abaixo: Qual a sua história por trás da escolha de viver do teatro, da arte? Meu avô também foi ator, descobri quando fazia teatro, então deve ser coisa de
Brasil perde R$ 5,7 bilhões por ano ao não reciclar resíduos plásticos

Brasil perde R$ 5,7 bilhões por ano ao não reciclar resíduos plásticos

Cultura
O Brasil produz mais de 78,3 milhões de toneladas de resíduos sólidos por ano, dos quais 13,5% – o equivalente a 10,5 milhões de toneladas – são de plástico. Se o total desse montante de plástico fosse reciclado, seria possível retornar cerca de R$ 5,7 bilhões para a economia, segundo levantamento do Sindicato Nacional das Empresas de Limpeza Urbana (Selurb). "O Brasil ainda destina inadequadamente cerca de 40% de todo o resíduo gerado no país. São bilhões de reais que poderiam ser revertidos para a construção ou modernização de aterros sanitários, ampliação dos serviços de coleta e outras atividades relacionadas à limpeza urbana. O gerenciamento de resíduos envolve uma rede complexa de atividades e a reciclagem é um pilar que precisa começar a ser desenvolvido como oportunidade d
‘Sex And The City’ da Índia causa polêmica com cena de masturbação

‘Sex And The City’ da Índia causa polêmica com cena de masturbação

Cultura
Visto como uma espécie de Sex and The City da Índida, o filme Veere Di Wedding, lançado em 1 de junho, está provocando polêmicas pela liberdade com que as mulheres se divertem, bebem e fazem sexo. Ambientada em Nova Déli, o longa foi banido do Paquistão por conter "vulgaridade, linguagem e tema impróprio", segundo autoridades do país. Uma cena específica deixou parte do público incomodada ao mostrar uma das personagens, que vive um casamento fracassado, se masturbando. No Twitter, internautas se disseram desconfortáveis. Veere Di Wedding já ultrapassou US$ 7,4 milhões em bilheteria, número que o classifica como um grande sucesso. Fonte: Notícias ao Minuto
Drama sobre menino pobre que processa os pais embola disputa em Cannes

Drama sobre menino pobre que processa os pais embola disputa em Cannes

Cultura, Mundo
As primeiras cenas do longa "Capharnaüm", da libanesa Nadine Labaki, mostram um garoto mirrado conduzido por algemas num presídio sujo e superlotado. Diante do juiz, ele não sabe dizer quantos anos tem (nunca foi registrado), mas é enfático ao responder por que deseja mover um processo contra seus próprios pais. "Porque me deram a vida", responde. Começa aí um drama social carregado de cenas de miséria e sentimentalismo embalado por trilha sonora tocante que tem tudo para agradar o júri desta edição do Festival de Cannes e levar a Palma de Ouro. Isso se os jurados se deixarem levar por esse filme cuidadosamente construído para arrancar lágrimas. A atriz e diretora Nadine Labaki faz aqui um típico "favela movie", mas com selo libanês. Zain (papel do novato Zain Alrafeea) é um ga
Abertas inscrições para aulas de violão e musicalização infantil

Abertas inscrições para aulas de violão e musicalização infantil

Cultura, Dourados
Desde janeiro, a Prefeitura de Dourados, por meio da Secretaria de Cultura, tem oferecido de forma gratuita à comunidade, aulas de música em diversos campos e para várias faixas etárias. Atualmente, mais de 150 pessoas já participam das ações e algumas modalidades contam com inscrições abertas. São oficinas de violão popular, musicalização infantil, teoria musical e prática em conjunto, instrumentos de sopro e de canto. Além de aulas ministradas no Núcleo de atividades musicais, no Parque dos Ipês, atualmente ocorrem diversos projetos nos Cras (Centro de Referência da Assistência Social) e nos Centros de Convivência de Idosos. As ações são direcionadas no município dentro do objetivo da administração Délia Razuk de oferecer cultura com qualidade à população, contribuir com o dese
João Kléber volta com Teste de Fidelidade em especial da RedeTV!

João Kléber volta com Teste de Fidelidade em especial da RedeTV!

Cultura, Slider
No último sábado (7) o canal da RedeTV! no YouTube atingiu a marca de 2 milhões de inscritos e, conforme prometido pelo apresentador João Kléber, a emissora subiu em seu perfil na plataforma o primeiro vídeo da volta do Teste de Fidelidade, que ficará disponivel no canal da RedeTV! no Youtube e nas redes sociais da emissora. Em pouco mais de 48 horas, o material chegou a ser visto mais de 1 milhão de vezes e, por conta do sucesso, João Kléber e sua equipe estão preparando uma nova marca a ser atingida para, assim, liberarem o próximo episódio do programa, muito popular entre 2013 e 2015. Fonte: Notícias ao Minuto
Farra do Boi: mesmo proibida por lei, prática sangrenta ainda é comum em SC

Farra do Boi: mesmo proibida por lei, prática sangrenta ainda é comum em SC

Cultura, Slider
Nem a lei apaga uma tradição cultural vinda com os seis mil açorianos que desembarcaram em Santa Catarina entre 1748 e 1756. A Farra de Boi, prática ilegal e corriqueira, consiste em soltar o animal em local ermo e fazê-lo perseguir os participantes da prática, que agridem o boi com objetos. O evento só acaba quando o bicho já está exausto e machucado a ponto de não mais se levantar. Acabam frequentemente sacrificados. A tradição controversa acabou proibida há 21 anos pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Os ministros consideraram a prática "intrinsecamente cruel". A lei de Crimes Ambientais prevê prisão de até um ano para quem se envolva na Farra. Ainda assim, a manifestação é rotineira no litoral catarinense. Somente em 2017, foram registradas mais de 147 ocorrências pela Polícia Mi
Bolsonaro sugere série e leva ‘invertida’ da Netflix: ‘Está louca’

Bolsonaro sugere série e leva ‘invertida’ da Netflix: ‘Está louca’

Cultura
O deputado estadual do Rio de Janeiro Flávio Bolsonaro fez um post no Twitter, na manhã desta terça-feira (27), sobre a repercussão da série da Netflix em relação à Operação Lava Jato, chamada 'O Mecanismo', e levou uma "invertida" da empresa. Ao ironizar a rejeição da produção por parte de membros e apoiadores da esquerda brasileira, Flávio Bolsonaro sugeriu que a plataforma de streaming estaria interessada em fazer uma série sobre o pai dele, o deputado federal Jair Bolsonaro. O tuíte recebeu milhares de curtidas em menos de uma hora, até que veio a resposta da conta oficial da Netflix: "Você está louca, querida". O sucesso da resposta foi ainda maior: mais de 4 mil curtidas em apenas 20 minutos. O Mecanismo Dirigida por José Padilha e protagonizada por Selton Mello, a série
Como disciplinar uma criança que pratica bullying

Como disciplinar uma criança que pratica bullying

Cultura
Conforme os pais tentam responder à questão de como ensinar seus filhos a serem amáveis com as crianças com quem convivem, a Internet nos presenteou com duas abordagens muito diferentes. Na semana passada, um vídeo que viralizou, onde um pai de Virgínia, Estados Unidos, mostra seu filho de 10 anos correndo até a escola na chuva como punição por ter feito bullying no ônibus até o colégio. E outro em que duas mães forçam seus filhos a pedir desculpas a uma menina que foi intimidade por eles, e que também viralizou. O segundo vídeo, publicado por Keshia Larry no Facebook em 27 de fevereiro – não sabemos se é mesmo de sua autoria – mostra dois meninos entrando em sua escola primária segurando balões, flores e uma sacola com presentes. Uma mulher está filmando e outra, ao lado das crianças, as
Qual é a origem da lenda da Loira do Banheiro?

Qual é a origem da lenda da Loira do Banheiro?

Cultura
Ela surgiu a partir de uma história real do século 19. A lenda, que já é parte do imaginário adolescente em muitos colégios brasileiros, descreve o espírito de uma garota jovem e loira de vestes brancas, com pedaços de algodão no nariz, ouvidos e/ou na boca, que surge depois de um ritual de invocação. Esse rito varia de acordo com o colégio: as possíveis etapas incluem chamá-la três vezes em frente ao espelho, bater a porta do banheiro, chutar o vaso sanitário, puxar a descarga e falar palavrões – às vezes, tudo isso junto. Algumas dessas características, tanto do ritual como do espírito, foram adaptadas da lenda norte-americana da Maria Sangrenta, um espírito feminino que aparece em espelhos quando você chama pelo nome três vezes. Mas a loira do banheiro tem uma origem real e documentada.