sexta-feira, agosto 17

Polícia

Raul Jungmann oferece Polícia Federal para assumir caso Marielle

Raul Jungmann oferece Polícia Federal para assumir caso Marielle

Destaque, Polícia
Com aval do presidente Michel Temer, o ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, ofereceu neste domingo, 12, a Polícia Federal (PF) para assumir a investigação do assassinato da vereadora Marielle Franco, morta em 14 de março no Rio, em atentado que vitimou também o motorista dela na ocasião, Anderson Gomes. "Estamos fazendo uma oferta, caso entendam necessário, nos dispondo a colaborar e até assumir, caso requeiram", disse Jungmann ao jornal "O Estado de S. Paulo", após dar entrevista sobre o tema para o jornal O Globo. "Por se tratar de deslocamento de competência, é necessário sermos requisitados." Jungmann disse, porém, que ainda não houve nenhum indicativo de requisição das autoridades fluminenses - Ministério Público do Estado, Ministério Público Federal no Rio ou Secretari
Bebê de oito meses é internado no HU e polícia investiga suspeita de agressão

Bebê de oito meses é internado no HU e polícia investiga suspeita de agressão

Polícia
Bebê de oito meses foi internado nesta terça-feira (14), no Hospital Universitário de Dourados, com suspeita de ter sofrido agressões na cabeça. A criança é do sexo masculino e residente no bairro Capitão Vigário, em Caarapó. A mãe de 20 anos saiu na tarde de ontem até o mercado e deixou o filho com o pai, de 19. Ao retornar, não o encontrou na casa. Posteriormente foi avisada sobre o caso. Questionado por ela, o rapaz disse que o menino teria batido com a cabeça no berço. Por conta da gravidade, a criança acabou recebendo atendimento na cidade e, em seguida, foi transferida para o Hospital Universitário da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados). No hospital, constatou-se ferimentos na cabeça da criança. Familiares afirmaram que o bebê realiza tratamento por conta de um
Acusado de matar delegado se emociona em depoimento e diz que foi coagido pela polícia

Acusado de matar delegado se emociona em depoimento e diz que foi coagido pela polícia

Polícia
Durante depoimento na 2° Vara do Tribunal do Juri, em Campo Grande, o guarda municipal José Moreira Freira, um dos acusados de matar o policial aposentado Paulo Magalhães, se emocionou e disse que foi coagido para confessar um crime que não cometeu. “Eu não acreditei na polícia, se não tivesse ficado em silêncio não estaria aqui. Policiais diziam que se não confessasse esse crime, eu seria considerado culpado de outros vários homicídios sem solução”. Ele disse que se deslocava para o trabalho no horário em que Magalhães foi assassinado, no dia 25 de junho de 2013. José trabalhava como segurança no hospital El Kadri e atuava como guarda municipal em uma escola agrícola, próximo à chácara onde morava. “Quando eu estava tirando plantão na escola agrícola, uma pessoa desconhecida chegou,
Após bebedeira, mulher é agredida com soco no nariz pelo marido

Após bebedeira, mulher é agredida com soco no nariz pelo marido

Polícia
Homem de 28 anos foi preso em Nova Andradina, a 300 km de Campo Grande, após briga com sua esposa. O caso ocorreu por volta das 23h, na noite de terça-feira (14), na Rua Anaurilândia. No local, conforme o site Dourados News, a vítima de 24 anos relatou que reside com o autor e começaram discussão e agressões físicas por causa do filho do casal. O homem teria lhe golpeado com um soco no nariz, causando-lhe um sangramento. Já em contato com o autor, os policiais ouviram o relato de que não socou sua companheira, e que a lesão causada se deu por ela se jogar no chão e começar a se debater, e que o motivo da discussão foi por ingestão de bebida alcoólica. A mãe da vítima testemunhou aos policiais que sua filha estava bebendo desde as 19h e afirmou também ter presenciado o soco no rost
Denúncia de roubo leva a apreensão de veículos carregados com maconha

Denúncia de roubo leva a apreensão de veículos carregados com maconha

Polícia
Uma operação entre Polícia Militar e Polícia Civil resultou na apreensão de duas picapes carregadas de maconha na madrugada desta segunda-feira (13), em Água Clara - a 198 quilômetros de Campo Grande. A droga ainda é pesada, mas segundo a polícia, o carregamento passa de uma tonelada. De acordo com o delegado Bruno Santacatharina Carvalho de Lima, titular da Delegacia de Polícia Civil de Ribas do Rio Pardo, denúncias de um roubo, levou policiais militares e civis de Água Clara a uma fazenda da região. No local, no entanto, as equipes encontraram duas picapes - uma Fiat Strada e um Volkswagen Saveiro - com as carrocerias carregadas com tabletes de maconha. Os veículos foram abandonados pelos traficantes e a suspeita, conforme o delegado, é que um deles tenha apresentado problemas mecâ
Após menina ser levada por 35 dias, três são indiciados pela Polícia

Após menina ser levada por 35 dias, três são indiciados pela Polícia

Polícia
A Polícia Civil de Bela Vista, a 322 km de Campo Grande, indiciou a mãe biológica, o marido dela e a advogada, responsáveis, segundo a polícia, por levarem uma menina de 6 anos que ficou desaparecida 35 dias. A mãe biológica é acusada de ter tirado a menina dos pais adotivos. Os três foram indiciados por substração de incapaz. Delegado em Bela Vista, Diego de Queiroz Sátiro Cabral explicou que eles ainda podem responder por mais crimes, a exemplo de associação criminosa. A polícia de Rondonópolis (MT), onde a menina foi encontrada, também participa das investigações. O delegado afirmou que espera receber mais interrogatórios. Caso - Segundo explicou o pai adotivo, a mãe biológica tentou reaver a guarda no final de 2014 e foi orientada a entrar com ação judicial. No final do ano passa
Polícia e MP fazem operação contra o jogo do bicho

Polícia e MP fazem operação contra o jogo do bicho

Polícia
A Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro deflagraram hoje (13) a Operação Saigon, para combater o jogo do bicho em Niterói e na Região dos Lagos. Durante a ação, foram presos os chefes da quadrilha, os irmãos Luis Anderson e Alexandre de Azeredo Coutinho. Luis Anderson foi preso no bairro de Icaraí, em Niterói, junto com a esposa, e Alexandre foi detido em Cabo Frio. Segundo a polícia, a quadrilha movimentava até R$ 10 milhões por mês. Os agentes cumprem 23 mandados de prisão e 35 de busca e apreensão contra denunciados por crimes de organização criminosa e peculato, entre eles policiais civis e militares. As investigações comprovam que os irmãos corrompiam funcionários públicos, principalmente agentes da Força de Segurança. Contava também com a atuação de policiais e
Casa de professora aposentada é alvo de tiros na fronteira

Casa de professora aposentada é alvo de tiros na fronteira

Polícia
A casa de uma professora aposentada de 74 anos foi alvo de diversos tiros na noite deste domingo (12), em Pedro Juan Caballero, fronteira com Ponta Porã. Desconhecidos teriam realizado mais de 15 disparos de pistola 9mm contra a residência por volta das 21h de ontem, segundo o Porã News. Agentes da Divisão de Homicídios e da Policia Técnica foram até o local, que fica no Jardim Aurora, e recolheram as cápsulas de munições e procuraram por imagens de câmeras de segurança a fim de identificar os autores.
Candidatos ao concurso da PM são flagrados com maconha em MS

Candidatos ao concurso da PM são flagrados com maconha em MS

Polícia
Três homens, sendo um douradense e outros dois de Nova Andradina, foram flagrados pela Guarda Municipal de Dourados, na madrugada deste domingo (12), com uma porção de maconha, um dichavador e isqueiro. Guardas Municipais em rondas pela região central de Dourados, nas proximidades da rua Benjamin Constant com Joaquim Teixeira Alves, ao passarem por um veículo sentiram forte odor de substância análoga a maconha, retornaram, efetuaram a abordagem do veículo e, no seu interior, encontraram três homens utilizando entorpecentes. Os três estariam dando um “rolê”, mas logo pela manhã fariam o concurso da PM. Seleção Em contato com a PM de Dourados, o sub-tenente Arguelho, assessor de comunicação, informou que “existe uma etapa no trâmite do concurso da Polícia Militar do MS que trata
Homem é encontrado morto em obra com mãos e pés amarrados

Homem é encontrado morto em obra com mãos e pés amarrados

Polícia
Um homem ainda não identificado foi encontrado morto com as mãos e os pés amarrados, na manhã desta segunda-feira (13), dentro de uma obra, localizada na Rua Maipu, região do Jardim Carisma, em Dourados, município distante aproximadamente 220 quilômetros de Campo Grande. De acordo com o site Dourados News, pela maneira em que ela foi encontrada, não é descartada mais uma ação envolvendo facções criminosas no chamado ‘tribunal do crime’. No local, havia coberta e algumas peças de roupas. A perícia está a caminho no local e outras informações a qualquer momento.