sábado, Fevereiro 24

Artigo

Temer quer mandado pra favela; mas e na Casa Grande, vai ter batida do Exército também?

Temer quer mandado pra favela; mas e na Casa Grande, vai ter batida do Exército também?

Artigo
Mandado coletivo. O nome é bonito. A intenção, quem sabe. É isso que o atual presidente da República, Michel Temer (MDB), quer: uma só papelada que permita e ‘facilite’ a atuação das forças armadas no Rio de Janeiro, atualmente sob intervenção federal.  Caso liberado, o mandado coletivo permitirá que militares e forças de segurança entrem em residências, empresas e prendam pessoas fora de flagrante sem autorização judicial específica. Some-se a isso a ideia do atual Comandante do Exército, general Eduardo Dias da Costa Villas Bôas, que defende o julgamento de militares por possíveis afrontas à Lei vigente pela Justiça militar e não pela Comum. Ele teme, compreensivelmente, que militares, a maioria jovens, acabem  deixando o Exército e indo para uma prisão caso os julgamentos fiquem
MBL: a nova face do velho moralismo anticomunista nacional

MBL: a nova face do velho moralismo anticomunista nacional

Artigo, Destaque
O MBL (Movimento Brasil Livre) não é original, mas é genial. É necessário admitir. Vivemos em um país que atravessa uma das piores crises econômicas e políticas de sua história. País cujo presidente – que eles apoiam – tem ridículos 3% de aprovação popular. País há pouco governado por atuais presidiários: Geddel e Henrique Eduardo Alves. País no qual o principal candidato da antiga oposição – que eles apoiaram – é comprovadamente salafrário. Poderíamos hoje ser governados por um picareta falso moralista que pede dois milhões "emprestados" a outro picareta e promete matar um potencial delator. País no qual um senador da república tem seu helicóptero apreendido com meia tonelada de cocaína e continua tudo como dantes no quartel de Abrantes. Um país, enfim, afundado em problema
O fim (?) de Lula e a miséria da candidatura Huck

O fim (?) de Lula e a miséria da candidatura Huck

Artigo
Ao que tudo indica, Lula não poderá ser o candidato do PT nas eleições presidenciais deste ano. Após conseguir a proeza de terminar oito anos de mandato – entrecortados por crises políticas como a do mensalão em 2005 e a crise financeira internacional de 2008 – com quase 90% de aprovação popular, Lula foi abatido em pleno voo por uma bala de prata jurídica. Minha opinião sobre a condenação de Lula? Não sou jurista, não li o processo, não entendo do carteado. Minha impressão? Trata-se de um dia estranho na História de nosso país. O Judiciário, tal qual o Poder Moderador imperial, evitou o pesadelo que atormentava as "gentes de bem" desta terra: Lula vencer as eleições presidenciais mais uma vez. Independentemente dos méritos ou deméritos jurídicos, tem-se aí uma saída politicame
Juízes e procuradores juram nos salvar da corrupção. E quem nos salva de seus privilégios inaceitáveis?

Juízes e procuradores juram nos salvar da corrupção. E quem nos salva de seus privilégios inaceitáveis?

Artigo
Lembro que, quando o ministro Luiz Fux votou em favor do afastamento do senador Aécio Neves do seu mandato, o que é uma invencionice sem prescrição constitucional, ele resolveu debochar do parlamentar: “Já que ele [Aécio] não teve esse gesto de grandeza, nós vamos auxiliá-lo exatamente a que ele se porte tal como ele deveria se portar. Pedir não só para sair da presidência do PSDB, mas sair do Senado Federal para poder comprovar à sociedade a sua ausência de toda e qualquer culpa nesse episódio”. Que homem rigoroso! Ele queria fora do Parlamento um senador que nem réu era ainda — aliás, ainda não é. E notem que ele tem a receita sobre o modo “como deve se portar” um senador. Perguntas: A: fazer lobby para tornar desembargadora uma filha que não consegue nem provar “prática j
Mulher de Moro deixa Instagram depois de expressar inconformismo com liberdade de imprensa

Mulher de Moro deixa Instagram depois de expressar inconformismo com liberdade de imprensa

Artigo
A mulher de Sérgio Moro, a advogada Rosangela Wolff Moro, é tão, vamos dizer assim, buliçosa como o marido, cujo espaço de atuação é o tribunal, mais especificamente a 13ª Vara Federal de Curitiba, um verdadeiro palco de seus heterodoxias jurídicas — e da Lava Jato — se o vivente decide levar em conta irrelevâncias como a Constituição, o Código Penal e o Código de Processo Penal, esses diplomas legais que, a levar a sério os zurros da direita xucra, existem apenas para atrapalhar a verdadeira Justiça. O PT também já chegou a achar isso quando vivia seus dias de glória. Fascistas de esquerda e de direita só divergem quanto aos fins, mas jamais quanto aos meios. Se o marido é um astro na 13ª Vara, Rosangela Wolff é uma “causona”, como diz a molecada, nas redes sociais. Ela tinha uma págin
No caso do apartamento de São Bernardo, nem Moro está conseguindo engolir a denúncia troncha do MP

No caso do apartamento de São Bernardo, nem Moro está conseguindo engolir a denúncia troncha do MP

Artigo
Vamos ver que caminho vai tomar o juiz Sérgio Moro na ação penal em que Lula é acusado de ter recebido propina da Odebrecht para comprar um apartamento contíguo ao seu, em São Bernardo, e um terreno que seria destinado ao instituto que leva seu nome. De saída, lembre-se: a entidade jamais ocupou o tal imóvel, e o Ministério Público Federal não conseguiu provar, mais uma vez, que esse outro imóvel, também uma cobertura, pertence ao ex-presidente. Antes que a turma que zurra e fuça comece a berrar, estou apenas tratando de matéria de fato. Não se trata de uma opinião. Não ainda. Nesta quarta, o juiz Sérgio Moro reconheceu que os recibos assinados por Glaucos da Costamarques, proprietário do imóvel, são materialmente verdadeiros. De saída, lembro aqui que já estamos diante de uma heter
Bolsa Juiz x Bolsa Família: uma comparação que desnuda os dois Brasis

Bolsa Juiz x Bolsa Família: uma comparação que desnuda os dois Brasis

Artigo
A diarista Selma Patrícia da Silva, de 42 anos, já foi beneficiária de programas de transferência de renda do governo, mas voluntariamente abriu mão depois que melhorou de vida. Selma diz ter recebido dinheiro do Auxílio Gás, do Bolsa Escola e do Bolsa Família na época em que ela e o marido faziam bicos como doméstica e pedreiro para sustentar os cinco filhos. Após construir a casa onde vive, em Formosa (GO), a diarista decidiu devolver o cartão, em 2013. “Pensei assim: da mesma forma que serviu para os meus filhos, vai ajudar outras pessoas. Acho muita covardia a pessoa não necessitar e ficar recebendo”, relembra Selma. O juiz Marcelo Bretas tomou um caminho oposto ao de Selma. Ele tornou-se uma “celebridade” há cerca de um ano por suas sentenças duríssimas na Lava Jato, pelas citações
Governo do MS “enforca” pequenos empresários com juros e multas exorbitantes

Governo do MS “enforca” pequenos empresários com juros e multas exorbitantes

Artigo, Slider
Enquanto o governador de Mato Grosso do Sul anuncia um governo de ação, com obras e mais obras caríssimas, tal como o término do Aquário onde irá gastar mais R$ 40 milhões inúteis a população, o mesmo governo arrocha a cobrança em cima de pequenos empresários com dividas junto a SEFAZ, penhorando os poucos bens que os mesmos possuem e cobrando juros e multas que beiram sacanagem de filme pornográfico. Recentemente, o nosso governador havia autorizado um REFIS para os devedores do Estado e, os que  não aderiram ao programa estão começando a receber as visitas nada cordiais dos oficiais de justiça com os Termos de Penhora de automóveis, casas, contas bancarias e outros bens que possua. Simplesmente uma vergonha, num Estado que grita estar em crise e gasta R$ 40 milhões em um Aquário q
Voto nulo nas eleições 2018: O que fazer quando não temos escolha?

Voto nulo nas eleições 2018: O que fazer quando não temos escolha?

Artigo
Nunca antes da história deste País tantas pessoas quiseram anular o voto. Basta ver os dados da Datafolha, divulgados nesta quarta-feira (31). Sem o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na jogada - como ao que tudo indica vai acontecer -, o percentual dos que pensam em votar branco ou nulo, que já era expressivo, salta mais de dez pontos "e passa a ser a resposta da maior parte dos brasileiros -- alcança 32% do total dos eleitores em cenário onde Jair Bolsonaro (PSC) lidera a corrida com 20%", como pontuam Mauro Paulino, diretor-geral do Datafolha, e Alessandro Janoni, diretor de pesquisas do Datafolha, em análise publicada pela Folha de S.Paulo. O resultado da pesquisa reflete a crise que vive a democracia brasileira. Há diversos fatores para o voto nulo. Neste caso, o índice dob
Como ensinar as crianças a dividir os brinquedos

Como ensinar as crianças a dividir os brinquedos

Artigo
Conforme o assunto abordado no último texto que diz respeito a importância do brincar para o desenvolvimento de nossos pequenos, sabemos que os momentos lúdicos tornam possível também que a criança se desenvolva, imagine, fantasie, construa regras e resolva conflitos. Além disso, são nas brincadeiras que as crianças encontram possibilidades de elaborar situações que lhe causam insatisfação. É possível verificar que muitas mães aparecem com dúvidas e questionamentos na fase em que seus filhos começam a morder, bater, e também apresentar dificuldades em compartilhar/revezar brinquedos. Portanto, enquanto psicóloga, considero importante resgatar algumas informações. De acordo com a literatura, a fase do desenvolvimento que compreende crianças de zero a dois anos, a criança ainda se encontr